sábado, 1 de março de 2014

A Pedra, Francisco Vaz Brasil



A Pedra
Francisco Vaz Brasil



Sou a pedra do caminho de Drummond
A pedra dos rins de seu Francisco
A pedra da Gávea,
A dos caminhos do Atacama e da Route 66
A pedra que o menino quebrou a cabeça do outro
A mesma que o estudante atirou no policial em 1968
A dos protestos do Cairo pra derrubar Mubarak
Sou a pedra que construiu as pirâmides do Egito
E erigiu o Coliseu de Roma;
A que está no anel de Sherlock Holmes
E nos anéis de Riahanna
A pedra em que Príamo deitou ao morrer
Sou a pedra do abraço dos Dez Mandamentos
A da Construção de Chico Buarque
A pedra que enfeitou Audrey Hepburn
A mesma de mil Catedrais
Aquela que nomeia o Peixe Pedra do Maranhão
A pedra em que flor nasce nas encostas das montanhas
A mesma com que construíram Gárgula
A pedra do teu sapato
A pedra que cruza os céus,  num rush onírico
De  um meteorito
A fria pedra dos necrotérios
A mesma pedra que lapidada
se transforma em uma lápide

Apenas uma pedra
Que alicerça tua vida, tua história...
Postar um comentário